Brasil Documentos Civis Eventos Viajar

Tirando Título de Eleitor ou justificando no exterior

A gente nem gosta tanto assim de votar, nem dá aquele friozinho na barriga de ansiedade nem nada, mas é só mudar de país que votar se torna algo excitante, não é verdade?

Parece que a gente fica mais patriota. Se você for uma pessoa que nunca se importou muito com política de repente você fica mais atencioso e trata o momento do voto quase como um jogo de futebol na Copa do Mundo.

Acha que estou exagerando? Várias embaixadas usam a aproximação das eleições para promover festas típicas brasileiras para juntar nativos da terra tupiniquin. Churrascos e o amado pão de queijo estão sempre presentes (amém). Fiquem ligados nisso, essa pode ser a sua chance de curar seu homesick!

É óbvio que isso não se aplica a todo mundo. Pode ser que você seja o imigrante que cansou do Brasil de vez e não dá a mínima para quem será o novo governante do país, ou estará viajando apenas a lazer na data das eleições, se esse for o seu caso, você ainda pode aproveitar a festa, continue lendo para saber como justificar o seu voto para não ter nenhuma dor de cabeça vinda do Brasil.

Há casos e casos, e não vamos brincar de tentar adivinhar as razões e emoções de cada um. Porém, uma coisa é regra, voto no Brasil ainda é obrigatório e estar com dívida com a Justiça Eleitoral pode se tornar um “pé no saco”. Você pode ser impedido de renovar Passaporte, Carteira de Identidade,  se inscrever em concursos públicos, tomar posse de cargos públicos… Enfim, uma lista enorme que pode ser encontrada nesse link aqui.

Votando no Exterior

Mudar o Título de Eleitor de uma cidade para outra no Brasil às vezes é tão complicado que muitos desistem e resolvem simplesmente voltar para a cidade anterior, votar e voltar para casa. Agora, mudar o título para o exterior, contrário ao que a maioria pode pensar é “mamão com açúcar”, em um dia você resolve. Acontece que a demanda é menor então o processo acaba se tornando mais rápido. Lembrando que imigrantes do Brasil só podem votar para Presidente e Vice-presidente, lógico!

Graças a Nossa Senhora das Praticidades Tecnológicas, o TSE inventou um negócio chamado Título Net Exterior que basicamente serve para você não precisar sair de casa.  Simplesmente precisa preencher uma sequência de formulários e enviar alguns documentos escaneados (.JPG ou .PDF) e aguardar no conforto da sua casa a resposta do TRE da sua região. Simples e lindo assim. O requerimento será analisado pelo TRE e seu processamento poderá ser acompanhado por e-mail ou aqui.

Depois de aceito o pedido, você deverá comparecer pessoalmente à embaixada ou consulado escolhido levando os documentos originais anexados ao requerimento (o agendamento do atendimento consular é realizado pelo Ministério das Relações Exteriores)

Segue abaixo os documentos que você precisa ter sempre em mãos:

  • Documento oficial de identificação: Certidão de Nascimento ou Certidão de casamento, Registro Geral (RG), Passaporte com filiação, Carteira de Trabalho e previdência social (CTPS), entre outros;
  • Comprovante de residência;
  • Comprovante de quitação eleitoral (se for o caso);
  • Comprovante de quitação militar para os cidadãos do sexo masculino com idade entre 18 e 45 anos.

Pode ser que o país onde você está queira algum outro documento além desses, por isso antes de comparecer à entrevista, faça uma rápida ligação a embaixada/consulado escolhido só para garantir.

Se mesmo você sabendo dessa ferramenta, que pode te quebrar o galho, você ainda decidir por não usá-la, por medo de hackers ou o que seja, você pode fazer o mesmo processo na própria embaixada/consulado da sua escolha. 

O processo pode levar alguns dias ou semanas para que você tenha o título em mãos. Algumas embaixadas/consulados podem enviar por correio, mas há algumas que entregam apenas em mãos.

Atualmente é necessário que você inicie o processo 151 dias ANTES das eleições ou seja, se você não iniciou o processo até o dia 09/05/2018 só poderá iniciar seu processo dia 05/11/2018.

Justificando seu voto

Para justificar também é bastante simples, você pode ir no dia mesmo das eleições a embaixada e, enquanto come um pão de queijo, justificar sua ausência ou fazê-lo nos próximos 60 dias.  O juiz eleitoral irá analisar sua justificativa e se aceitar não será necessário pagar a multa. Se for negada deverá ser pago o valor de R$3,51, por turno eleitoral.

Para justificar o voto será necessário o Título de Eleitor e um documento de identidade com foto. Caso tenha faltado três votações consecutivas sem justificar sua ausência, deverá apresentar, além do documento oficial original com foto e o título, um comprovante de residência recente.

Por hoje é isso querido sonhador. Se regularize, vote se for do seu desejo, mas vote com sabedoria.  Lembrando que mesmo não morando mais no Brasil, a sua escolha pode ter grande impacto na sua vida fora do Brasil e na vida dos seus amigos e familiares da Pátria Amada.

Creditos da foto: www.canadajournal.com.br

Mais informações aqui.

Requerimento do Título Net Exterior

Acompanhamento do Requerimento

Zona Eleitoral do Exterior – ZZ
ENDEREÇO: SHIS Qi 13  Lt i – Lago Sul – CEP 71.635-181
TELEFONE: (61) 3048-1770
E-MAIL: ze1zz@tre-df.gov.br

 

Anúncios

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.